0

«Invicta Film» E «Lusitânia Film» - O início das atividades

 

5

A «Lusitânia Film», além de diversos documentários, apresenta-nos em 1918 dois filmes de enredo: «Malmequer» e «Mal de Espanha» e ainda inicia as filmagens de «O Homem dos Olhos Tortos», filme que não chegou a ser concluído. A realização destes filmes foi entregue a Leitão de Barros. «Malmequer» foi por isso a primeira realização de Leitão de Barros e contava no seu elenco com os actores Robles Monteiro e Alda de Aguiar. O filme seguinte, «Mal de Espanha», constituía uma sátira mordaz à enorme vaga de espanholas dos clubes, focando os seus métodos amorosos e ridicularizando aqueles que tudo davam por um sorriso, um beijo ou uma promessa, das bailarinas castelhanas. A ficha artística era constituída pelos artistas Joaquim Costa, Sofia Santos, Laura Costa, José Azambuja e Beatriz Viana. Foi estreada esta pelicula em Setembro de 1918, no Coliseu dos Recreios. Devido a factores diversos de ordem interna, e à incompreensão de muitos, depois de apresentar os filmes «Malmequer» e «Mal de Espanha», e iniciar as filmagens de «O Homem dos Olhos Tortos», dissolve-se a «Lusitânia Film». Neste mesmo ano, e enquanto os estúdios da «Invicta Film» não estavam concluídos, Pallu apresentava o filme «As Aventuras do Frei Bonifácio», adaptação de um conto de Júlio Dantas, que tinha como protagonistas os actores de Duarte Silva e Maria das Neves.

Click to share thisClick to share this