0

A construção da «Portugália Film»

 
2Em 1900 é realizado um pequeno filme de enredo, intitulado «Rapto de uma Actriz» e interpretado por Carlos Leal, Luz Veloso, Nascimento Fernandes e outros. «Rapto de uma Actriz» que foi exibido no Teatro Príncipe Real, como «shetch» cinematográfico da revista «Ó da Guarda», que então se representava naquele teatro, obteve um enormíssimo êxito, constituindo para João Freire Correia, o operador e realizador, como hoje se diria, do filme, uma grande vitória cinematográfica.
João Freire Correia, animado pelos amigos e pelos elogios resultantes da sua primeira experiencia cinematográfica com a filmagem de «Rapto de uma Actriz», quer experimentar em bases mais sólidas e dando maior incremento à produção cinematográfica, o negócio do cinema. É assim que nasce a «Portugália Film», que durante cerca de sete anos, animou o ambiente da cinematografia nacional.
 
Click to share thisClick to share this