0

A história de «Maria do Mar»

11 Argumento: O arrais Falacha comete um erro, que arrasta à morte alguns de seus conterrâneos. Uma das vítimas foi o marido da tia Aurélia, a qual nunca perdoou à família daquele que provocara a morte do consorte. Falacha, perseguido pelo ódio dos seus patrícios, suicida-se. Um dia, Maria, a filha dele, é salva por Manuel, o filho da tia Aurélia.  Os jovens amam-se e casam, mas a sua união, longe de reconciliar as respectivas famílias, origina-lhes a quebra de relações com as mães respectivas. No lar dos dois jovens nasce uma filha que, certa tarde, supõe mordida por um cão danado. Em volta do berço, juntam-se os pais aflitos, as duas avós, a quem a passagem do enterro duma criança morta impressionara profundamente. A menina salva-se, e as duas famílias, a quem o sentimento de aflição reunira junto daquele berço, acabam por se reconciliar. 12
Click to share thisClick to share this